quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

DIREITOS E DEVERES DE PAIS E FILHOS

DIREITOS E DEVERES DE PAIS E FILHOS

São Deveres dos Filhos:

Freqüentar a escola todos os dias respeitando direção, professores, funcionários e colegas;
Fazer todas as tarefas propostas pelos professores.
Respeitar e obedecer aos pais ou responsáveis, ouvindo todas as orientações, sem agredi-los fisicamente ou verbalmente.
Avisar o local para onde vai, o horário de regresso e sair sempre com permissão dos pais.
Ajudar nas tarefas compatíveis com seu desenvolvimento, colaborando pela ordem e limpeza da casa.
Cuidar da higiene pessoal
Fazer amizade com pessoas que não prejudiquem o seu desenvolvimento físico mental e moral.
Não pegar objetos alheios, sem prévia autorização.
Não se envolver com substâncias entorpecentes, bebidas alcoólicas e cigarro.
Não dormir fora de casa, sem autorização dos pais ou responsáveis.
Não ficar até tarde na rua.
Não mendigar pelas ruas.


OS FILHOS DEVEM SABER QUE: Ficam a criança e o adolescente ADVERTIDOS de que se não cumprirem com suas Obrigações, estarão sujeitos às Medidas de Proteção e Sócio-Educativas e as determinações do Conselho Tutelar e do Juizado da Infância e da Juventude.


São Deveres dos Pais:

O sustento dos filhos menores de 18 anos, a moradia, a cultura e o lazer.
Matricular o filho na escola e manter a documentação, endereço e telefone sempre atualizados no estabelecimento de ensino.
Mandar seu filho á escola e acompanhar em seus deveres.
Freqüentar as reuniões escolares, que acontecem principalmente todo fim de bimestre.
Ligar ou ir à escola, pelo menos a cada 15 (quinze) dias.
Observar e revisar os cadernos diariamente e ajudar nas tarefas de casa quando necessário.
Garantir na casa um ambiente Salutar (casa limpa, higiene dos filhos, alimentação correta).
Garantir uma convivência familiar saudável, sem brigas, sem violência, com muito diálogo, com muito amor e compreensão, sabendo impor limites.
Respeitar a integridade física, psíquica e moral de seus filhos, sejam crianças ou adolescentes.
Passar para os filhos valores como: respeito com o próximo, responsabilidade em seus atos, justiça, respeito com o próprio corpo, educação (educacional e moral).
Preocupar-se com a formação religiosa de seus filhos, participando junto.
Evitar a convivência com pessoas que façam uso de drogas ou bebidas alcoólicas.
Quando dependente químico, procurar ajuda para que a criança e o adolescente não sofram as conseqüências.
Dar e demonstrar: exemplos de dignidade e de responsabilidade com a família.
Ser pai e mãe presentes na vida da família e principalmente dos filhos.
Garantir a saúde dos filhos, levando-os sempre ao médico, ao posto de saúde, vacinando, ensinando regrar de higiene.
Saber e conhecer as amizades dos filhos.

OS PAIS DEVEM SABER:

Onde os filhos estão e com quem.
Impor limites aos seus filhos.
Determinar horários para voltarem para casa.

Trabalho efetuado pelo Conselho Tutelar de Apucarana, Ministério Público e Judiciário de Apucarana e colaboradores em 2005.


Nenhum comentário:

Postar um comentário